Lilypie Joana

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Diogo

Lilypie Third Birthday tickers

sábado, 31 de dezembro de 2011

Férias de Natal

Esta semana a Joana está de férias, apesar da escolinha ter estado aberta de 3ª a 6ª. Foi um "plano" que criei logo no início do ano lectivo. :) Tem sido muito bom, uma semana tranquila. A Joana tem brincado muito, com os novos brinquedos, com a Rita da Blé e primas, temos passeado e fomos ao cinema ver o Alvin e os Esquilos. Sem stresses de horas para dormir e acordar e passamos mais tempo de qualidade com ela, com muitos mimos! Estávamos todos a precisar desta pausa!
Não sei como irá correr o regresso à escola, mas sei que se irá resolver! (afinal de contas no início do ano lectivo também se resolveu e agora já está perfeitamente adaptada à rotina).

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Carta ao Pai Natal - cheked!

No final do dia de Natal, a pequenota chegou a casa e ao pousarmos na sala as caixas e caixotas de brinquedos, que vieram de casa dos avós e tios, saca da sua carta ao Pai Natal (feita na escola, com recortes) e vai conferir, colando a carta ao brinquedo, se (que) recebeu as 3 prendas pedidas.
Teve direito a estas e outras, já que a família é grande, graças a Deus!
Deve ter sido uma boa menina este ano!

Desde esse dia que é loucura  a querer brincar com tudo ao mesmo tempo, que nem sabe para onde se virar (para mim a montar, com as mãozinhas dela pelo meio).

Uma das melhores prendas foi sem dúvida a visita ontem da Rita da Blé, que brincou com ela todo o dia. Desde que começou a escola pergunta quando vem a Rita e se pode ir para casa dela. Ao acordar e vê-la, foi uma alegria sem medida.

A reunião da família, estes olhinhos a brilhar e o contágio que provocam nos outros é que dão magia ao Natal.

sábado, 24 de dezembro de 2011

Luzinhas que piscam

Ao fim de 19 dias, ontem as luzes da árvore começaram a piscar. Como é que sabiam que também um precisava de um pouco de magia?!?

Feliz Natal!

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Algo deve estar para acontecer

Entrar numa loja, experimentar roupa e achar que (quase) tudo me fica muito bem? E trazer mesmo um saco de compras? Nããã, isto não é normal, algum fenómeno deve estar para acontecer. Talvez os espelhos estejam a reduzir demasiado...
Também ajudou ir com a melhor "personal shopper" do mundo, a minha irmã ;), que me obrigou a experimentar tudo o que gostava e pensava "se calhar não me fica bem". ;)
Pelo sim, pelo não, visto e não volto ao espelho.
E preparem-se para um eventual dilúvio...

sábado, 17 de dezembro de 2011

Fábrica dos Sonhos

Ontem fomos até à Fábrica dos Sonhos levados pelo duende Sabão e todos os outros lindos duendes do infantário.
Acho que ainda não voltei de lá ;)
Foi uma festa fantástica. O esforço e a dedicação das educadoras e directora é incrível, impagável.
Hoje foi a festa da ginástica do Boavista.

Se me virem com um sorriso pateta, já sabem porquê.

(depois conto melhor)

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Antecipação e antevisão

Amanhã é o grande dia da festinha de Natal da Juca e não caibo em mim de ansiedade. :)

Entretanto já me deu um presente antecipado, que foi borrar-se toda quando a fui buscar à escolinha, pelo que trouxe para casa um saco cheio de roupa para limpar e lavar (quando digo cheio, é mesmo com todas as peças de roupa que tinha vestidas). É muito raro acontecer, acho que adequou mesmo à época. ;)

Depois de tantos dias de contenção sobre o conteúdo da festa e de tantos ensaios, a rapariga não aguentou e hoje descaiu-se e disse "mamã sabias que sou o duende sabão, que lava as renas com uma escovinha: a barrigas, as costinhas, as patinhas e não te podes esquecer dos dentes".
É demasiado tempo para uma gaija guardar um segredo, sobretudo uma pequenina ;) Continua a dizer "não estragues a surpresa!"
Fiquei admirada o quanto ela guardou segredo. Pensei sempre que eram só canções.
Já sabem, no futuro, caso queiram que guarde segredos, é por 15 dias.

Posto isto fez chichi pelas pernas abaixo. Acho que o stress andava a dar cabo dela, agora deve estar mais tranquila e pronta para enfrentar o grande dia, sem se preocupar com expectativas elevadas da parte dos pais.

Ainda bem que ela é o sabão. Qualquer dia começa a limpar.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Natal sem Luz(es)

No passado feriado fomos não ver as iluminações de Natal. Eu sei que é a austeridade, blá, blá, blá, mas até o Natal tem que ser triste? Nem umas miseráveis luzinhas nas principais ruas do Porto para mostrar à miúda? Ficámo-nos pelos raquíticos Pais Natal das montras...

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Porto, Porto, Porto!

A miúda senta-se atentamente a ver o futebol (?!?) e quer saber o que se passa: "Vamos ver se é golo", "O jogador amarelo qual é?", "Eu gosto dos azuis, poque é o Poto", "Poque é que aqueles sinhores estão a dar um xi?" E lá vamos explicando, eu "mentalizando-a" para o que é bom e o que é mau ;) Calhou bem, porque foi contra o Braga, foi só festejar golos, os do Porto, e o jogo terminou antes do Braga conseguir empatar. "Não gosto do vemelho puque é do Benfica".

Sempre gostou de jogar à bola, é cada chuto dentro de casa que quase parte tudo, para delírio do pai. Ainda queria ele um menino para jogar a bola. Mas agora os genes de "ambos os dois" pais estão a pegar mesmo forte. Antes tanto era do Porto como do Boavista (clube do pai), agora afincou no Porto. Pudera, vê-o ganhar e o injustiçado Boavista não dá na tv! (a pressão familiar também é muita). Não me importava que também fosse do Boavista (cada um na sua divisão :/)
Marca "golos" e vem dar xis.
No sábado nos avós gritou sozinha nos golos do Chelsea só porque era azul e também "Não gosto do vemelhos puque são do Baga". Virada para o avô "Ontem um menino do Poto bateu num menino do Baga e o árbito deu cartão amarelo ao menino do Benfica!" - para ela era castigo merecido.
No domingo no restaurante estava a tv desligada e disse-me para pedir ao sr. para a ligar. Respondi que não dava ali o Panda "Mas podes pedir para ligar para ver o futebol? O Poto marcar golos?"

Os treinos começaram cedo:





Minha filha, meu orgulho!
(parece que queimar o fusível até teve coisas boas)
(Estou tentada a levá-la ao Dragão logo à noite)

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Depois da tempestade...

... vem o disparate.

Foi uma semana difícil, a culminar no hospital na manhã de 5ª feira, pois apesar da febre ter passado ao fim dos 3 dias típicos (com febrões de 40º ao fim de 6h...), a tosse era muita e deitava-a abaixo e de que maneira. Quando acordava tossia sem parar até conseguir deitar a porcaria toda fora.

Na 4ª feira nos anos da avó N. a miúda estava irreconhecível, congestionada, tosse, conjuntivite. Nunca a tinha visto tão doente como desta vez [a pediatra tem apontada a observação no livrinho dela de que aos 3 anos nunca tomou antibiótico]. Naquele dia já me custava demasiado ver o sofrimento dela e comentei com o pai que se não estivesse melhor no dia seguinte, era melhor irmos ao hospital. O mesmo raciocínio teve o avô que nos ligou logo de manhã a combinar. Confesso que, apesar do avô a ter auscultado e estar tudo limpinho, começava a pensar que podia ser outra coisa qualquer. Na 5ª feira teve o nome de rino-faringite, com origem vírica, que apesar de pomposo não é grave. Ufa! Depois das nebulizações que lá fez ("fuminhos") ficou mais tranquila e a partir daí, continuando a medicação foi sempre a melhorar.

No meio da confusão ainda houve saídas engraçadas desta miúda que está sempre a surpreender-nos:
- após uma crise de tosse, diz com um ar muito sério e combalido: "Peciso de um médico"
- quando lhe dissemos na 5ª feira que íamos ao médico exigiu a sua dra. Lurdes e quando lhe dissémos que nesse dia não podia ser: "Então quero o dr. avô N.! O avô é amigo das quianças!"
Tornou-se a fã nº 1 do meu pai, passou o tempo no hospital a reclamar com o médico que a atendeu a dizer que queria o avô "Pára com isso" - cheia de autoridade.

Finalmente a Joana está melhor, ainda não a 100%, mas o suficiente para o disparate. Aliás no fim-de-semana esteve determinada em fazer todas as asneirolas que não fez durante a semana (ou talvez na vida toda. De forma bastante concentrada.
No sábado fizemos a árvore de Natal (para a menina ficar mais feliz). Correu muito bem, quis ajudar em tudo, desde pôr os ramos a pôr bolas e bonecos. No final queria tirar as bolas todas e voltar a pôr. Não deixámos. No presépio cismou que tinham que ficar todos em fila indiana. Mesmo explicando que os reis magos ficavam mais atrás, porque ainda iam chegar, "Não mamã, já chegaram" e voltava tudo à fila. Depois achou que tinham que caber todos na "casinha"... Tudo pronto e passado um bocado comecei a ouvir bolas a cair seguidas. Tinha-se deitado no chão e às que conseguia chegar, voavam à patada, tipo gato: raspanete. Mais um bocado, chego à sala e a árvore estava decorada com peças do puzzle que "voaram" para a árvore. wtf?



Claro que a madrasta entrou em cena e prometeu que se continuasse o espectáculo a árvore ia direitinha para os arrumos. "Nãããão". Não aconteceram mais episódios. Até ontem que conseguiu partir o presépio que lhe tinham dado amigos no ano passado.



E queria investir sobre o "oficial". Aí acabou a pedagogia e disse-lhe que se partisse era mesmo uma "sapatada do rabo". "Nãããão" e afastou-se rapidamente da tentação.
Nunca, nunca vi nada igual. .  Nem quando tinha 1, nem 2 anos lhe deu para se "meter" com as decorações de Natal... E estas foram só as asneiras da quadra. Parece que a febre lhe queimou o fusível.


Cá para nós, antes assim do que doente. Mil vezes!
Hoje já foi para a escola.Venham daí essas birras matinais.

E já é Natal cá em casa (até ver...)


sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Cá por casa...


... o panorama é este...



Ah as maravilhas do infantário!
Lembrem-me de dar bons conselhos a quem tem a opinião de que o melhor para os miúdos é irem antes dos 3 anos para a escola. É que potencia em muito este efeito, tenho a certeza que vão adorar.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Grande galo

É preciso ter sorte para ficar doente logo de sexta para sábado... foi o que aconteceu à Joana. Passámos a semana a dizer que no fim-de-semana há isto e aquilo, só prémios de bom comportamento para quem vai à escola e... pimba, toma lá o prémio. Conclusão: não houve ginástica, não houve escorregas, passeios, nem brincadeiras com as primas. Apenas: febre, ranho, tosse, lágrimas, termómetro e xaropes... para os pais preocupação e neura. Para compensar filmes dvd, livrinhos (novos) da colecção pingo doce e graaaandes doses de miminhos.
A parte boa do ponto de vista da criança: sem escola hoje.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Pinóquio

As manhãs ensonadas pré-escola da Joana são complicadas:

"Mamã o meu naiz não vai quescer como Pinóquio, pois não" - a choramingar
"Claro que não filhota, isso é só no livro"
"O D. disse que o naiz da C. ia quescer com o Pinóquio" - agarrando o nariz
"Oh que disparate" - a levar para a brincadeira - "isso é mentira. O nariz do D. é que vai crescer se continuar a mentir!"
"Nããããão, não mamã, não vai, pois não?!?" - em desespero
"Pois não... já viste algum crescer..."

Trabalheira logo de manhã. O sono baralha(-me) o raciocínio.

Uff...!

Ufff.... passadas 4 horas de formação agora já só faltam 576... :/
Não há-de ser nada... é só... 1 ano.
... e ainda pago o castigo...

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Convite

Na 6ª feira recebemos este convite importante, o mais lindo de todos, um convite para a festa de Natal da princesa. Quando a fui buscar à escolinha, vinha entusiasmada a correr, "exigindo" à educadora o seu convite. E lá o entregou, com aquele lindo e feliz sorriso, orgulhosa do seu trabalhinho, explicando que era para a festa de Natal, para os pais irem ver os filhos a dançar. ;)
Têm andado a ensaiar, mas ela não se descai e não conta o que vai fazer!

Quando o pai chegou fez questão de lhe ir mostrar aos saltinhos, cheia de alegria!

Está visto que vou ter que comprar muuuitos lenços de papel...



sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Publicidade

Com a campanha do Continente dos 50% de desconto em roupa interior já não há motivos para ninguém andar de meias (ou cuecas) rotas.

Decorre também uma nova campanha de desconto de 50% em alguns brinquedos (Playmobil, Legos, Chicco, briq. bebés,...) . Nesta a vantagem é que não há carrinhos cheios a entupir corredores, gente aos gritos porque chegou primeiro, nem insultos. Até ver... já que desta vez não divulgaram via mensagem de telemóvel... vá-se lá saber porquê...!!!

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Fruta da Época

"- Joana que fruta queres?"
"- Eu quia meixa, temos que compar meixa mamã." - olhando para a taça da fruta
"- Ameixa não pode ser Joana, porque não é fruta do Outono, é do Verão, agora não há." - argumentando com o que a miúda aprendeu na escola
"- Hum... então banana mamã" - agarrando já numa - "Banana é fruto do Outono, mamã?!?"
"- Errr... bem... na Madeira há..."

Toma lá e embrulha e pá próxima não te armes em esperta.

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Recomendo

Recomendo a todos.
Um "must have" para dar aquele empurrãozinho à mente, obrigando-a a ir buscar as ferramentas escondidas:



«Sempre defendi que não podemos viver sem expectativas. As expectativas fazem-nos reagir nos momentos difíceis, permitem-nos recuperar a esperança, ajudam-nos quando estamos cansados, apáticos, desiludidos... E proporcionam-nos a força necessária quando precisamos de voltar a acreditar em nós próprios.»
María Jesús Álava Reyes


sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Gone to the movies

Neste fim-de-semana fomos pela 1ª vez com a Joana ao cinema. Desde que, durante a semana, falámos dessa possibilidade não mais se calou e lá tivemos que ir. Chatice!!! ;)

Foi uma excelente experiência, já o mesmo não se pode dizer do filme - Capuchinho Vermelho 2.
Antes de ir almoçamos no shopping, sob protesto da Joana que queria ir directamente para o cinema, pelo menos até saber que o almoço era pizza (depois só repetia "a mamã disse que tínhamos que comer qualquer coisa"). Tivemos também direito a pipocas, que a miúda adorou, ao contrário de outras vezes. As do cinema são mesmo especiais, deve ser genético! Chatice!

A Joana portou-se lindamente, como a menina crescida que é. Dissemos que no cinema não se pode falar alto, por isso mal pôs o pé na sala passou a sussurrar. Esteve quase o tempo todo sossegada e ia perguntando algumas coisas. Quase tivemos choro quando o Capuchinho deixou cair a cesta com os bolinhos. A certa altura mostrou enfado com tanta falta de história. Foi aí que veio para o colo.

O filme foi mesmo uma desilusão. Há muito que não via um filme infantil com tanta pancadaria e destruição (excepto Gormitis e outros que tais que habitam os canais dos miúdos). Não estava nada à espera, quando o 1º, apelidado de "A Verdadeira História", foi espectacular, ninguém comia ninguém, o objectivo era salvar as receitas dos bolos da avozinha (radical), procurando desmistificar a malvadeza do lobo (detective).

E isto influencia as mentes dos putos, quer se queira, quer não. A Joana chegou a casa e começou à vassourada ao pai... e à noite sonhou com a aranha gigante...

E nós a pensarmos que ela não ligou muito? Conta episódios de filme mesmo bem a espertalhona!!!

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

3 anos e 1/2

Fazes hoje 3 anos e 1/2.
És a filhota mais linda do mundo, para mim és tudo!

Alegria contagiante.
Energia inesgotável (renovável!).
Perspicaz, com uma grande capacidade de aprender e vontade de agarrar o mundo.
Sensível, doce e mimocas (sobretudo agora nesta fase de escolinha)
Teimosa até dizer chega (literalmente)

Por muito que descreva ficará sempre incompleto.

A minha bebé está uma menina, que "já sou crescida mamã, mas ainda sou um bocadinho pequena".
No meu coração, sempre pequena.

Amo-te muito.

Caso não tenha ficado bem claro ;)

Sem entrar em grandes reflexões filosóficas, a verdade é que nunca é tarde para nada e qualquer altura é boa para começar - e esquecemo-nos frequentemente disso (mea culpa). Seja um blog ou outra coisa qualquer.
Esta era uma ideia antiga, que esteve várias vezes para arrancar, especialmente desde que comecei a ler outros de mamãs, mas que por um motivo ou outro "não era um bom momento".
Por isso agora resolvi Spread My Wings and Fly - num blog e noutras coisas mais...

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Why So

 

"Spread Your Wings" - Queen


"Sammy was low
Just watching the show
Over and over again
Knew it was time
He'd made up his mind
To leave his dead life behind
His boss said to him
'Boy you'd better begin
To get those crazy notions right out of your head
Sammy who do you think that you are?
You should've been sweeping up the Emerald bar'

Spread your wings and fly away
Fly away far away
Spread your little wings and fly away
Fly away far away
Pull yourself together
'Cos you know you should do better
That's because you're a free man

He spends his evenings alone in his hotel room
Keeping his thoughts to himself he'd be leaving soon
Wishing he was miles and miles away
Nothing in this world nothing would make him stay

Since he was small
Had no luck at all
Nothing came easy to him
Now it was time
He'd made up his mind
'This could be my last chance'

His boss said to him 'now listen boy
You're always dreaming
You've got no real ambition you won't get very far
Sammy boy don't you know who you are?
Why can't you be happy at the Emerald bar?'

So honey
Spread your wings and fly away
Fly away far away
Spread your little wings and fly away
Fly away far away
Pull yourself together
'Cos you know you should do better
That's because you're a free man
Come on honey."

http://www.youtube.com/watch?v=cR1pUIG_IaA