Lilypie Joana

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Diogo

Lilypie Third Birthday tickers

quarta-feira, 9 de abril de 2014

10 meses e meio - Diogo

09.04.2014

Esta última semana tem sido explosiva em desenvolvimento, sobretudo do movimento.
Na 4ª feira da semana anterior começou a ensaiar o gatinhar, na 5ª disparou atrás da boneca de mana e ninguém o pára agora.
Passou a conseguir pôr-se em pé com facilidade e a correr o sofá em passinhos. Segura-se só com uma mão e troca de mão, para um lado e para o outro. Já tentou a proeza de bater palmas pelo meio, mas a gravidade ainda não o deixa. Tem percepção disso e volta a agarrar-se. Quando cai já tem o reflexo de se sentar ou de pôr as mãos no chão.
Os fios e tomadas são um atracção natural.
Ontem descobriu a mesa da televisão, cheia de equipamentos, botões, luzes, fios, cds e DVDs. Demos-lhe um comando antigo, mas qual quê, quer sempre os que não pode.
Sendo assim, abriu a caça ao Diogo e temos nova decoração - sofá encostados, parque montado e almofadas a fechar o quadrado com as paredes - para que possa brincar mais à vontade.

A agilidade com as mãos é cada vez maior e põe intencionalmente os brinquedos a funcionar, apitar, andar - deviam ser proibido sons estridentes, pela saúde mental dos pais. Temos que os ir trocando para serem novidade, se não desinteressa-se.
 
Quando dizemos "faz miminho", ele faz festinhas (chapadas, vá) e encosta a cabeça de boca aberta.
Está aliás um mimoco, gosta de festinhas, de adormecer no colo, que lhe cantemos. Quando canto entoo o "olha o sol que vai nascendo" acalma-se de imediato (lembro-me tão bem desta música tocar no gira-discos dos meus pais em miúda).
 
Esteve doente com uma virose que durou 3 dias, com febre e umas pintas nas costas. À custa destas, no hospital fizeram-lhe análises ao sangue e, por incompetência ao picar, tiveram que lhe pôr um cateter, que gerou muitos gritos e uma mão negra. Conto com o coração apertado e nem vi, o pai é que sofreu com ele.
Esta virose tirou-lhe o apetite, está pisco e bebe cada vez menos leite. Não come a fruta e papa todas, mau sinal para o glutão que pedia sempre mais.

Mais dentes devem estar a caminho, tal é a intensidade que mói a chucha e dedos.


Parece-nos subitamente maior, no entanto não foi assim tão rápido, a desenvoltura e o estar muito em pé, "esticado", é que revelam aquilo que é um facto: o nosso bebé tem quase 1 ano.


A gatinhar para o mundo... e para conquistar as babes

E agora de pé, só com uma mão e um sorriso cheio de charme

Sem comentários: