Lilypie Joana

Lilypie Kids Birthday tickers

Lilypie Diogo

Lilypie Third Birthday tickers

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Coisas do Coração

A culpa foi minha ;) Desde que relembrei no blog Pastilha Elástica a ideia do fio invisível que une os nossos corações aos dos filhos, achei uma óptima ideia para ajudar a Joana a vencer o medo da separação ao ir para a escolinha.
Assim quando vem com a "chantagem emocional" de manhã do género "Vou ter saudades tuas" digo: "abanas o fio e lembras-te que a mamã está sempre contigo, do outro lado do fio transparente".
E vai daí têm saído sentidas pérolas, muito úteis para rematar à mãe, quando esta lhe dá os raspanetes necessários (isto é, quando tem que ser mãe) ou simplesmente quando quer mimocar a situação.

"Não te sinto no meu coração." - muito triste, capaz de fazer chorar as pedras da calçada e a mim também, após ralhar numa birra
"A M. não vem mais para a minha escola, ela é o meu amor..." - suspirando à janela (esta já é bis)
"O meu coração disse para te dar um abraço!" - feliz, quando a fui buscar ao infantário e me deu o 2º abraço, enquanto falava com a educadora
"Dá cá um abraço para sentir o teu coração" - neste caso era literalmente, já que me apertou com força

E também saem aquelas certeiras chantagens emocionais:
"Tu estas sempre zangada! Eu não queria que estivesses zangada! - e estava mesmo, perante mega-birra, porque o iogurte tinha que ser de morango e não nata. Era o iogurte preferido com smarties que me tinha custado um balúrdio! Sim, filosofei muito!
"Faz um sorriso" - que é o que lhe digo quando está triste
"Não disseste "meu amor" há muito tempo" - pois não, há 5 minutos só.

Na verdade a miúda dá-me a volta e nunca sei se está a sentir profundamente as coisas, se estou a exagerar a ralhar ou se o objectivo é mesmo me dobrar! E consegue, raça da miúda!

Sem comentários: